domingo, junho 24, 2007

Livro

Livro

Da estante furtado
um instante consagrado
teu segredo desvelado
em minhas palmas apoiado

Captura-me do tempo
Aprisiona-me a contento
Nosso íntimo momento
De quimera e de portento

Em tuas letras mergulhar
em tuas páginas navegar
em tuas palavras viajar
teus sentidos desvendar...

De tuas margens me cerquei
Com tua capa me guardei
em tua mágica embarquei
e o mundo transformei!

Nenhum comentário: